Campo de Busca
Sua cotação
Produto Quantidade
Nenhum produto adicionado.

Posso Ajudar?

Telefone 51 3406 1717

Informativos

Dicas para aumentar a precisão das medições de cloro livre e total

 Amostragem 

- A amostra deve ser límpida e isenta de cor.

- Para análise de água em caixas d’água e piscinas, a amostra deve ser coletada a uma profundidade de 40 cm da superfície. Em pontos fixos (torneiras e bebedouros), deixe escorrer ao menos, de 1 a 2 minutos.

- Ao iniciar a coleta da amostra, lave a cubeta algumas vezes com a própria água que servirá de amostra para remover resíduos de análises anteriores.

Reagentes

- Em caso de suspeita de contaminação dos reagentes (alteração da cor e aparência) devido a troca de tampas entre os frascos, substitua-os imediatamente.

- Após adição do reagente, aguarde o tempo recomendado no manual do instrumento para que a reação com a amostra ocorra corretamente e efetue a medição.

- Não utilize reagentes de outras marcas, pois os resultados podem apresentar distorções devido à incompatibilidade e características químicas.

Cubetas

- Lave as cubetas periodicamente com água sanitária para remoção de manchas.

- Antes de inserir a cubeta no fotômetro, seque-a com papel macio ou flanela para remover a umidade e manchas nas paredes externas. Lembre-se de fechá-la para evitar vazamentos no interior do instrumento.

- Após a análise, descarte a amostra imediatamente para não acumular manchas nas paredes da cubeta e lave-a com água deionizada ou destilada.

Análise

- Utilize a quantidade de amostra e de reagentes recomendados no manual de instruções do fabricante para aumentar a exatidão nas leituras. 

- Após adição do reagente na amostra, agite a amostra suavemente em movimentos circulares. Cuidado para não formar bolhas de ar durante a homogeneização.